Já falamos que a cidade de Roma é um museu ao ar livre, no post sobre a minha amada ViaAppia; às vezes penso quantas pessoas que por aqui passeam vêem a Ilha Tiberina como um dos seus monumentos mais importantes.
Ilha roma turismo portugues2 - A Ilha Tiberina
Sol nascendo na Ilha Tiberina
Naturalmente a origem geológica da ilha é tufácea, como todo o terreno da cidade, mas a sua origem mítica é ligada à expulsão dos tarquínios. O mito diz que a ilha se formou com o depósito de grão desta família, quando o último rei foi expulso, em 509 a.C. e os preciosos depósitos de grãos deste rei foram jogados no rio.
Ilha roma turismo bartolomeu - A Ilha Tiberina
A igreja de São Bartolomeu
Durante o período imperial, quem passou por aqui deve ter visto a ilha no seu máximo explendor, coberta de templos (Júpiter Jurário, Fauno, Belona, Gaia, Tibre e Veiove) e decoração marmórea que aproveitava a forma natural da ilha para decorá-la como se fosse um navio!
Ilha roma turismo decoracao marmoer - A Ilha Tiberina
Resto da decoração marmórea da ilha
Desta decoração, infelizmente sobrou muito pouca coisa, mas é realmente emocionante, para um apaixonada como eu, descer nos subterrãneos de todos os palácios da ilha para ver o que resta: algumas colunas e muitas fundações de templos antigos.
Ilha roma turismo subterraneo - A Ilha Tiberina
Eu, tendo um “troço” ao ver as fundações do antigo templo
Ilha roma turismo subterraneo2 - A Ilha Tiberina
Coluna medieval, subterrâneos
ilha tiberina reconstrucao turismo roma - A Ilha Tiberina
Uma possível reconstrução da ilha, no tempo do império,
facilita a imaginação!
Um templo dedicado ao deus da medicina, Esculápio, foi construído no início do III séc. a.C.; o atual hospital em 1584, mantendo a tradição milenar do caráter curativo da ilha. Na antiguidade, o escravo que fosse curado aqui pelo deus Esculápio, adquiria a sua liberdade!
Ilha roma turismo portugues3 - A Ilha Tiberina
Detalhe delicioso da Torre Caetani, sobre a Ilha Tiberina

Emocionante passar sobre a ponte Fabricio, do ano 64 a.C, e visitar as duas igrejas: São Bartolomeu na ilha e São João Calibita. Assuntos que vou tratar mais pra frente, fique ligado!

Para o seu roteiro personalizado na Itália com guia em português não hesite em escrever para Guia Brasileira em Roma para pedir seu orçamento.

Share: